Aprenda qual a Origem do nome Bikepacking (com referências)

Muita gente está falando muita sobre sobre o que é Bikepacking e até falando da Origem do nome Bikepacking. Então vamos começar este post dizendo: Pare de dizer que bikepacking vem de backpacking porque isso não tem nada a ver, rss. A galera fala (e você repete) isso porque backpacking nos países de língua inglesa é a expressão usada para designar as boas e velhas viagens que aqui chamamos de “mochilão” ou “mochilar”. Uma viagem longa levando tudo que você precisa numa mochila.

Acontece que a expressão “Bikepacking”, cunhada por Noel Grove, um dos redatores da National Geographic, foi usada pela primeira vez para descrever a expedição Hemistour Bicycling na edição de maio de 1973 da revista National Geographic escrita por Dan Burden que fez parte da viagem.

Na  matéria “Bikepacking across Alaska and Canada”, Noel descreveu uma viagem de bicicleta de longa distância feita, parte em cascalho e parte por vias pavimentadas. Nenhum peso foi carregado nas costas dos ciclistas – tudo foi transportado através de sacolas e sacos de guidão, ou amarrado em bagageiros (luggage racks no original).

O peso carregado variou de 35-60 libras (15kg a 27kg) por ciclista, dependendo da quantidade de alimentos e água transportada. A Hemistour, foi composta por 30 ciclistas que viajavam em distâncias variadas, do Alasca para a Argentina, e foi a primeira viagem de bicicleta do norte ao sul do Hemisfério Ocidental.”

O termo “bikepacking” não tem nada a ver com a idade do cavaleiro, nem o ritmo do piloto, nem o número de milhas movidas por dia. Tem mais a ver com a intenção de andar de longa distância (touring) e ser auto-suficiente. Nenhuma regra determina o que é bikepacking, mas no Hemistour não foi utilizado nenhum suporte motorizado, e os ciclistas passaram a maioria das noites acampando, e cozinhando em fogão de acampamento.

Veja também  Audax Pampero Gravel Bike. Quadro de carbono na versão de entrada

Acima eu fiz uma tradução mais ou menos livre de um original abaixo:

“Bikepacking,” coined by Noel Grove, a National Geographic staff writer, was first used to describe the Hemistour Bicycling Expedition in NG’s May 1973 issue. “Bikepacking Across Alaska and Canada,” described a long-distance bicycle tour, partly on gravel and partly on pavement.

No weight was carried on the rider’s backs–it was all hauled via panniers and handlebar bags, or strapped across the luggage racks. Weight carried varied from 35-60 pounds per rider, depending on the quantity of food and water carried.

Hemistour, comprised of 30 riders who rode varying distances, traveled from Alaska to Argentina, and was the first north to south bicycle tour of the Western Hemisphere.

Anuncie aqui!

The term “bikepacking” has nothing to do with the age of the rider, nor the pace of the rider, nor the number of miles ridden per day. It has more to do with the intention of riding long distance (touring), and being self-sufficient.

No rules dictate what bikepacking is, but on Hemistour no motorized support was utilized, most overnights were camping out, and quite a bit of the cooking was done over a camp stove.

Bikepacking

origem do nome bikepacking

 

Portanto, queridos amigos, acho realmente inútil usar Origem do nome Bikepacking para tentar suportar qualquer rótulo ou regra que se queira impor ao termo bikepacking.

Pessoalmente eu acredito que bikepacking está mais relacionado à atitude de se viajar de forma mais minimalista, levando pouco peso, acampando pelo caminho e buscando vias menos movimentadas, dando preferencia às vias sem asfalto.

Veja também  Como Ganhar Dinheiro com Trilhas que passam pelas suas terras

Mas de forma alguma eu pretendo impor estes pontos como regra.

Vou colecionando links para artigos interessantes sobre Origem do nome Bikepacking e o tema em geral aqui:

E o que você acha de tudo isso? Conta pra gente nos comentários 🙂

About JosaJr

Um sujeito que mede o seu próprio sucesso pelo que inspira outras pessoas a fazerem de bom pelas suas vidas. Um eterno sonhador, corredor, artesão, cozinheiro, fly fisherman, criador do Endorfine-se, portal multi esportivo para quem corre ou pedala na rua e na montanha. Um belo dia resolveu levar uma vida mais saudável e perdeu 28kg em 5 meses e agora quer dividir com todo o mundo o que aprendeu e ainda vai aprender \o/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *