GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo? Qual escolher?

Você precisa de um GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo? Quais as características das suas pedaladas? O que você quer registrar? Que ajuda você espera do GPS? Qual equipamento escolher? Muita gente me pergunta qual ciclocomputador escolher, com ou sem fio, com ou sem GPS, etc. Mas nesse post falaremos somente de GPS e (quase) nada de ciclocomputadores.

Com a popularização dos smartphones, a tecnologia do GPS chegou às mãos de praticamente todos os usuários de celulares. então não preciso explicar muita coisa sobre para que serve a tecnologia. Apesar de conhecer algumas pessoas que ainda se atrapalham com ela, não pretendo ser tão didático sobre a tecnologia em sí. Mas vamos pontuar algumas coisas importantes:

  1. as únicas informações realmente relevantes que o GPS fornece são as suas coordenadas.
  2. o GPS não precisa de sinal de celular para funcionar, seu sinal é captado em qualquer ponto do planeta que se tenha vista para o céu (visada).
  3. quando você perde sinal de internet no celular, você perde a conexão com aplicativos que fornecem mapas e todos os dados relacionados à eles, como estradas e estabelecimentos comerciais ou não. Mas continua recebendo as coordenadas.
  4. alguns aplicativos baixam as demais informações para serem usadas no momento em que não conseguir conexão com a internet.

Estas são premissas básicas para compreendermos porque alguns navegadores conseguem nos dar informações além da nossa localização mesmo sem a conexão internet, pois a tecnologia GPS sozinha oferece pouca coisa além da longitude e latitude atual.

GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo

Para saber se você precisa de um GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo precisamos saber

Veja também  Sobrevoando o Arapongas e Abissínia sem Drone no Google Earth

Que tipo de ciclista você é?

Performance

Seja você um mountan biker, um triatleta, um ciclista de estrada, um randonneur super brevetado, vai se preocupar com informações como potência e cadência, além da frequência cardíaca e velocidade média. Strava pra você é coisa séria! Segmentos do Strava são questão de honra.

Vai precisar armazenar dados adicionais para posterior envio e analise junto ao seu treinador.

Muitos destes dados são medidos com sensores específicos espalhados pela bicicleta e ciclista. Potência nos pedais, cadência no pedivela, FC no ciclista. Eles devem ser coletadas e armazenadas junto dos dados do percurso.

Assim o treinador pode transformar estes dados em informação e compreender exatamente o que aconteceu naquele trecho de subida mais forte. Faltou potência muscular? Faltou VO2Max?

O treinador pode, então, prescrever os próximos treinos para corrigir deficiências.

repare que os sensores não armazenam informações e sim dados. Se você não sabe o que fazer com eles, eles não nada além de dados. Alguém com conhecimento e experiência precisa transformar dados em informação e lhe dizer como reagir à ela.

Você é este ciclista?

GPS: IGPSport IGS618, Garmin Edge, Bryton, WahooElemnt BoltLezyne

Recreativo

Você usa a sua bicicleta para passear com a família, manter uma atividade física leve/moderada ao ar livre, relaxar e fazer turismo local. Raramente pedala um dia inteiro e raramente pedala sozinho por locais em que não conheça.

Mas apesar de não viajar de bicicleta, gosta de saber quantos quilômetros tem pedalado, gosta de saber se está tendo alguma evolução. Apesar de não levar o Strava a sério, gosta de armazenar estes treinos e rotas e eventualmente compartilhá-los com os amigos.

Veja também  Ciclocomputador sem GPS, vantagens e desvantagens

Você é este ciclista?

GPS: Atrio Iron, IGPSport, Bryton

Cicloturista, Cicloviajante, Bikepacker

Você já passou por uma ou pelas 2 fases anteriores mas agora sua vibe é apontar o pneu da bike para o desconhecido e se aventurar.

Está sempre inventando um destino novo. O Google Maps é brinquedo de criança. Não conhece nenhum segmento do Strava, mas é expert no seu criador de rotas. Seu notebook tem Google Earth e Garmin BaseCamp. Você já sabe tudo sobre conversão de KML para GPX e vice versa.

Já fez ou deseja fazer viagens de bicicleta. Está ou pretende se pedalar em locais sem sinal de celular mas vai depender ou se sentirá mais seguro se tiver alguma rota para seguir.

Faz ou pretende fazer pedaladas de vários dias, quando precisa estar atento ao tempo e distância que ainda faltam para o próximo ponto de parada planejado.

Você é este Ciclista?

GPS: Garmin eTrex 20/30, Garmin Oregon

 

Querido Amigo, o post GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo ainda não está totalmente finalizado. Ainda estamos separando as linhas e modelos específicos para cada situação. Se você acha que pode ajudar, seremos gratos se indicar mais modelos e marcas para citarmos aqui. Obrigado sempre 🙂

About JosaJr

Um sujeito que mede o seu próprio sucesso pelo que inspira outras pessoas a fazerem de bom pelas suas vidas. Um eterno sonhador, corredor, artesão, cozinheiro, fly fisherman, criador do Endorfine-se, portal multi esportivo para quem corre ou pedala na rua e na montanha. Um belo dia resolveu levar uma vida mais saudável e perdeu 28kg em 5 meses e agora quer dividir com todo o mundo o que aprendeu e ainda vai aprender \o/

Um comentário em “GPS para Cicloturismo ou para Ciclismo? Qual escolher?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *