Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo – Avaliação

Mochilas de hidratação você encontra aos montes e à todos os preços, mas se você está em busca de uma mochila de hidratação para correr em trilhas e montanhas, a coisa muda bastante. Hoje vamos falar da Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo.

As necessidades

Quando se fala em mochila de hidratação a primeira coisa que vem à mente das pessoas é água, talvez um gel, uma barrinha e as chaves do carro. No geral são coisas que não se precisa ter à mão muitas vezes durante o treino ou prova. E isso pode ser para muita coisa, uma caminhada longa, uma passeio ou treino de bike e muitas outras atividades. Aqui eu vou falar sobre corrida à pé mesmo, rs.

Eu preciso de uma mochila para levar comigo um pouco mais do que isso e por pelo menos 10 horas. Preciso ficar auto suficiente por períodos longos e levar comigo roupas, comida, primeiro socorros, mais comida e claro, água. Preciso de mais? Algumas vezes sim, câmera, celular, capacete, bastões de caminhada ou trekking pole. Dá pra ver que é muita tralha e desejamos que muitas dessas coisas sejam armazenadas o mais próximo das mãos possível sem atrapalhar a corrida. Difícil, né? Pois é este o desafio de se criar uma mochila de hidratação para corrida trail ou montanha. Em outro momento vou falar sobre o que eu carrego na minha mochila em treinos e provas.

Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo

A Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo não é bem uma mochila. Eu diria que é uma uma chest vest, como os americanos gostam de chamar os coletes que vestem somente a região do peito e costas, mas vamos chamá-la de mochila porque é assim que a chamam no Brasil, afinal. Ela entraria na categoria das chest vests da Ultimate Direction, que são bem legais, só que num material mais resistente, o que trás vantagens e desvantagens.

veja Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo – Avaliação e assine nosso canal

Material

A Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo é feita de material resistente que nos dá a sensação de durabilidade, tem bons zíperes e bom acabamento, o que é uma característica da marca Curtlo. Mas esse bom material não é nada respirável e absorve todo suor com quase nenhuma eficiência em dispersar vapor. Isso nos dá uma mochila quente e que fica o tempo todo encharcada de suor. E ela demora um montão para secar, além de ser pesada. Então temos um bom material, mas que não é o melhor material para equipamento de corrida.

É uma sinuca de bico e não sei se é fácil de sair dela, porque também queremos um equipamento durável que não se rasgue facilmente quando enroscamos em galhos, espinhos, arame farpado e tudo mais que encontramos pela frente nas nossas trilhas. Eu já enrosquei a minha em arame farpado e ela saiu ilesa. Eventualmente queremos encher a mochila e forçar suas costuras sem que elas se soltem. Como faz?

Conforto

São 4 tiras com ajustes laterais, 2 de cada lado. Podemos facilmente ajustar a pressão do aporte da mochila na parte superior e na parte inferior de forma independente. Apesar do tamanho reduzido isso faz diferença sim, porque quando a mochila vai esvaziando precisamos ir ajustando a sua pressão para ela não ficar chacoalhando.

Pelo menos em mim, ela não provocou queimaduras ou bolhas por atrito. Horas e horas correndo com ela e nenhum vermelhinho na pele, zero necessidade de proteção além da camiseta. Eu só não arrisco dizer que será assim com você, já que eu tenho zero problema com atrito pelo corpo. Mas a mochila aporta bem e fica bastante confortável.

Espaço Geral

Bolsos traseiros

A gente conta 2 bolsos fechados e 1 bolso aberto nas costas da mochila. O maior deles tem uma divisão interna para abrigar o hidropack. Este bolso maior tem bom espaço e eu geralmente levo nele tudo aquilo que vou acessar pouco ou que espero nem precisar acessar. É ali que carrego alguns equipamentos obrigatórios, de segurança e peças de roupas sobressalentes. Tudo que esperto acessar pouco vai neste bolso maior.

No segundo bolso com zíper, que é mais externo e menor eu levo a maior parte da comida e suplementos. É uma questão pessoa de praticidade, acho que fica melhor assim.

O que importa é que os 2 bolsos se complementam e tem bom espaço, são de fácil acesso, se mantem fechados o tempo todo e não incomodam quando cheios.

O bolso mais externo e aberto é uma redinha tradicional, feita em material tradicional de boa resistência, se mantem mais “fechado” pela sua borda com elástico. O que carregar ali? O que você quiser, eu não tenho regras pessoais para ele, mas é bom tê-lo.

É nessa parte externa que sinto falta de fitas ou presilhas para se prender um capacete e principalmente, sinto muita falta de algo para prender os trekking poles (bastões de caminhada ou corrida). A minha mochila Quechua tem práticas presilhas elásticas que não são simples e resolvem este problemão. Acho que a Curtlo deu uma bela derrapada em esquecer desse item e só por causa disso eu quase, mas quase mesmo deixei de comprar a Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo. Mas que poxa vida, Curtlo, não é uma mochila barata.

Bolsos Frontais

Este foi um dos principais motivos da minha escolha por esta mochila. Um bolso grande, um porta squeeze e 2 bolsos pequenos nas alças, além de “argolinhas” de elástico para prender coisas.

Não preciso falar sobre o uso do porta squeeze, certo? É para levar um squeeze, oras, rs. Mas também pode servir de lixinho. Aliás, eu uso para isso também. Tiro o squeeze e coloco ali qualquer coisa que é lixinho, tipo os saches de gél, e coloco o squeeze de volta, #ficadica do #livrodedicas Endorfine-se

No bolso maior você pode levar o que quiser, menos coisas que derretam com o calor porque ele esquenta feito o diabo com o calor do seu corpo e minhas barrinhas de cereais cobertas com chocolate ficaram totalmente derretidas, é frustrante. Ali eu levo alguma comida rápida, tipo amendoim torrado, barrinhas, comida rápida para tampar o buraco no estomago mesmo. Também dá pra colocar os géis ali, mas você também pode distribuir estas coisas menores como géis, melzinho, bananinhas, cápsulas de sal, BCAAs e tudo mais pelos pequenos bolsos nas alças. Eu faço isso e no bolso maior me sobra espaço para o celular. É importante levar “comunicação” quando vai pro mato, aliás, em algumas provas, com celular você passa a fazer parte da “equipa” de segurança. Mas eu também levo para fotos e filmes. Correr no mato é muito mais que pace e se me permitem uma dica aqui no meio, nunca deixem de fotografar os lugares por onde você só tem a chance de estar quando corre uma uma prova trail, #ficadica again.

O Reservatório de Água

Aí a Curtlo acertou em cheio ao equipar sua mochila com uma bolsa Hidrapak de qualidade, que é de fácil manuseio, fácil de dar refil e principalmente, fácil de limpar. Além disso estas bolsas tem um mecanismo de conexão/desconexão rápida da mangueira que nos permite retirar completamente a bolsa sem precisar retirar a mangueira da mochila. E acredite, isso é bom.

A água permanece fresca ali dentro por um bom tempo. Depois de 6 horas correndo durante uma manhã inteira a água do reservatório ainda estava fresca (a da mangueira sempre quente). Eu sempre abasteço com água gelada, nunca testei água em temperatura ambiente, mas a minha fica fresca por bastante tempo. Algumas pessoas colocam gelo dentro da bolsa. Nesse caso, a boca da bolsa ser grande é ótimo porque você pode colocar uma pedra grande de gelo, tipo feita em um potinho plastico de manteiga que demora mais tempo para derreter que pedras menores.

A mangueira

A mangueira poderia ser uns 10cm mais longa e eu ficaria bem feliz, mas ok, não chega a ser um problema, só resolvi citar. Para mim, problema mesmo é a falta de mais 1 clip para prendê-la e trocar aquele único clip de lado é meio chato. Mas que poxa vida, Curtlo, não é uma mochila barata. Podem equipar os próximos modelos com mais um clip e me enviar um adicional de brinde pela dica? Tirando isso, é bacana ter 4 saídas para a mangueira e poder optar como deseja usá-la.

Ainda sobre a mangueira, os fabricantes em geral poderiam resolver o problema de o primeiro gole de água ser quente porque a mangueira está exposta ao sol, sem falar que o sol ajuda na proliferação de “limo”. Talvez uma caminha em neoprene para a mangueirinha, que sabe. O fato é que o primeiro gole sempre é quente.

Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo
Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo

Pós e contras da Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo

Pós

Confortável com bom aporte
Espaçosa
Ótimo material, costuras, zíperes e acabamento geral
Ótima bolsa para água com excelente abertura para limpeza, fixação da bolsa é pratica e bocal bacana.
Bolsos e porta Squeeze frontais

Contras

Muito quente e com pouca respirabilidade
Material pouco respirável e pouco dispersante de umidade que acaba encharcado de suor
Falta um clip para mangueira o que dificulta a escolha de lado para uso e até mesmo a fixação da ponta do bocal, o que deixa ela solta
Falta fixadores para prender bastões trekking poles quando não estão em uso
Falta fixadores para prender um capacete
Preço alto

A avaliação da Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo você viu no Endorfine-se

About JosaJr

Um sujeito que mede o seu próprio sucesso pelo que inspira outras pessoas a fazerem de bom pelas suas vidas. Um eterno sonhador, corredor, artesão, cozinheiro, fly fisherman, criador do Endorfine-se, portal multi esportivo para quem corre ou pedala na rua e na montanha. Um belo dia resolveu levar uma vida mais saudável e perdeu 28kg em 5 meses e agora quer dividir com todo o mundo o que aprendeu e ainda vai aprender \o/

JosaJr

Um sujeito que mede o seu próprio sucesso pelo que inspira outras pessoas a fazerem de bom pelas suas vidas. Um eterno sonhador, corredor, artesão, cozinheiro, fly fisherman, criador do Endorfine-se, portal multi esportivo para quem corre ou pedala na rua e na montanha. Um belo dia resolveu levar uma vida mais saudável e perdeu 28kg em 5 meses e agora quer dividir com todo o mundo o que aprendeu e ainda vai aprender \o/

4 comentários em “Mochila de Hidratação X-Skin Curtlo – Avaliação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *